Prefeitos e Saúde debatem principais demandas dos hospitais na região da AMFRI

10 de maio de 2017 10:130 comentárioViews: 4

Prefeitos, secretários e técnicos da área da Saúde dos municípios da AMFRI, estivem reunidos em assembleia extraordinária na manhã desta segunda-feira (08) para tratar da atual situação dos hospitais na região. O encontro realizado no auditório da associação serviu para debater as principais demandas dos hospitais e buscar soluções integradas.

O Prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira apresentou a grave questão do custeio do Ruth Cardoso. Entre os dados, apenas o atendimento de pronto socorro, nos primeiros quatro meses deste ano, foram de 33.246 pacientes, e mais de 3 mil internações, quase 60% de municípios vizinhos. “Não podemos custear isso sozinhos. Está semana levarei ao governo do Estado esta questão para uma solução concreta”.

Já o Prefeito de Camboirú, Elcio Kuhnen ressaltou que conhece a realidade e a necessidade de aporte financeiro para custeio das unidades hospitalares. “Precisamos construir uma rede hospitalar vocacionando os hospitais existentes, somando esforços e dando frente às demandas da nossa região, construindo uma linha de atuação sintonizada para conseguirmos fazer as filas das cirurgias eletivas serem atendidas”. O prefeito também falou sobre a reabertura do hospital de Camboriú.

Um dos encaminhamentos definidos foi realizar uma nova reunião, ainda nesta semana, com os secretários e técnicos de saúde dos municípios da AMFRI que tem hospital.  Também foi constatada há necessidade de uma reunião com o Governador Raimundo Colombo, que será agendada através da Agência de Desenvolvimento Regional de Itajaí, além da busca de apoio da bancada parlamentar catarinense em Brasília para ajuda no custeio dos hospitais da região.

Encerrando o encontro, a Presidente da AMFRI e Prefeita e Bombinhas, Ana Paula da Silva, parabenizou o trabalho feito pelos técnicos das secretarias de saúde das prefeituras. A comissão construiu um diagnóstico regional da situação dos hospitais da região, onde com estas informações os prefeitos poderão cobrar uma maior atenção e apoio dos governos Estadual e Federal.

Leave a Reply


Facebook